Os maiores obstáculos para a participação efetiva das pessoas com deficiência no mercado de trabalho não são apenas questões ligadas à disponibilidade de tecnologia assistiva, acessibilidade, oportunidade ou respeito às leis que as protegem. A despeito disso tudo, a falta de preparo de quem procura uma vaga e a desinformação de muitos daqueles que as oferecem são problemas palpáveis.

Sob o ângulo empresarial, tem sido muito notório que profissionais de Recursos Humanos ficam um tanto quanto constrangidos ao entrevistar pessoas com deficiências sobre as suas necessidades. De outra parte, chefes e supervisores ficam inseguros ao saber que terão pessoas com deficiência em sua área.

Por outro lado, o nível de escolaridade e de preparo para a vida de trabalho da maioria da população com deficiência, no Brasil e em muitos países do mundo, tem sido baixíssimo, supondo-se por isso mesmo que muitas vezes inexistem as condições básicas de empregabilidade.

Se considerarmos o universo das pessoas com deficiências físicas, sensoriais, orgânicas e/ou mentais, como um todo, notaremos que, devido à grande diversidade dos problemas existentes, tanto causados por lesões incapacitantes, quanto pelos muitos preconceitos e bloqueios existentes dentro de nossa sociedade (além das circunstâncias adversas de vida), tem sido muito difícil pensarmos em empregabilidade, conforme defendida pelo mundo empresarial moderno.

No entanto, o que observamos é que a grande luta das agências de colocação e dos programas especializados não tem sido aprofundada no sentido da empregabilidade das pessoas com deficiência, mas tem gravitado em torno de vagas, de empregos – pura e simplesmente. As equipes que trabalham no atendimento de pessoas com deficiência ficam com a sensação de que estão, de fato, almejando a empregabilidade e a inclusão social, mas mantendo uma luta contínua para separar o mito da realidade.

Views All Time
Views All Time
107
Views Today
Views Today
1



Posts relacionados

Diálogo das Águas!

Bruna Klim e o Empreendedorismo no Setor Educacional com os Jogos Pedagógicos

Políticas públicas para a sustentabilidade