Artigos

A beleza põe… repõe, emprega, ocupa e ainda faz feliz.

“Jamais poderia deixar de falar em beleza, quando o tema é mulher” pensei em iniciar esse texto, “mas deixa de ser machista – tentei me repreender, por perceber que muitas vezes os homens acabam colocando a mulher, não em igualdade, mas como se a beleza feminina fosse uma obrigação constante (inclusive podendo ser escravizante ou até torturante) e por isso, penso que esse texto pode ser algo além de falar “as mulheres são bonitas e precisam de produtos e serviços para permanecer assim”, quero também ir além dos alvos da ditadura da beleza e da eterna juventude, já que esse conceito é tão fluido quanto as questões dessa sociedade.

Esclarecidos alguns detalhes, parto para o assunto principal, a beleza, e sua visão além da forma, mas a beleza como forma cosmética que gera limpeza, perfuma, protege e dá condições de ser sustentável, e a conta é simples. Muitas mulheres que antes tinham suas ocupações voltadas para a família, aos filhos, aos cuidados com a casa, passam a somar com cursos de maquiagens, depilação, corte de cabelo, penteado de cabelo, química capilar, manicure e pedicuro, além da estética animal, e com isso, baixos recursos e muita força de trabalho, somam a área da beleza a sua atuação, muitas vezes fazendo não apenas na garagem de casa, mas dentro da sala e até mesmo no

Anos atrás, quando fui professor de cosmetologia em um curso técnico em estética, conheci uma destas mulheres, que inclusive, é a minha inspiração para escrever hoje, ela que era professora eventual de ciências do Estado de São Paulo, mas pelo baixo número de aulas, tinha dificuldades de se manter, mas seu desenvolvimento encontrou-se com uma reportagem na TV, sobre uma feira de cosméticos, ao percorrer a feira, vendo pessoas lindas e outras, buscando produtos, se deparou com uma mini-palestra sobre limpeza de pele, e assim, o dinheiro que tinha no bolso, comprou o tal kit e iniciou outra tarefa, começou a reproduzir o aprendizado na aplicação do produto e gerou renda, em menos de uma semana, não apenas havia recuperado o investimento, mas também já conseguiu fazer a feira, comprar gás, sem tocar em seu salário… e assim, seguiu, buscando outros treinamentos, formou-se depiladora e depois esteticista (quando a conheci), e os anos se passaram, mantenho contato e hoje com mais uma nova graduação, possui uma clínica de estética, onde consegue fazer procedimentos mais modernos com equipamento alugado, mas atendendo a homens e mulheres interessados em manter a pele e corpo em dia com a beleza e ainda afirma, está vivendo o momento mais feliz da vida.

Assim, posso utilizar esse exemplo, podemos pensar ser possível que mais mulheres (e homens também) possam utilizar da beleza como meio de vida, desde que se capacitem para executar o serviço com qualidade e segurança possível, além da limpeza de pele, depilação ou outros tratamentos estéticos, temos maquiagem, cabelos (penteados, cortes, transformações químicas como alisamento, permanentes ou colorimetria), temos a manicure e pedicuro, assim como a podologia, mas não posso deixar de lado a consultoria de beleza e perfumaria (que vai além de simplesmente vender cosméticos por revista, mas auxiliar na aquisição do produto que mais seja adequado as necessidades dos e das clientes). Também temos mulheres (e homens também) dedicados a cosmetologia natural, a fitocosmética, aos cosméticos orgânicos, aos cosméticos veganos, entre várias outras aplicações da beleza, que não apenas põe a mesa, mas também ajuda a completar os alimentos nos armários.

 

Views All Time
Views All Time
371
Views Today
Views Today
2

Cristiano Ricardo

Farmacêutico-Bioquímico, consultor em organização de sistemas da qualidade, P&D&I, sustentabilista, protetor de gatos, escritor, e curioso oficial

Website

Follow Me:
TwitterFacebookLinkedInPinterestGoogle PlusFlickr

Farmacêutico-Bioquímico, consultor em organização de sistemas da qualidade, P&D&I, sustentabilista, protetor de gatos, escritor, e curioso oficial

Cristiano Ricardo
Farmacêutico-Bioquímico, consultor em organização de sistemas da qualidade, P&D&I, sustentabilista, protetor de gatos, escritor, e curioso oficial
http://www.cristianoricardo.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *